tudo tem limite

Não leio mais
do que a vista pede.
Não escrevo mais
do que a ideia quer.
Não gozo mais
do que o prazer me concede.

A ofensa não passa da garganta.
A febre não passa do termômetro.
A Alemanha não passa da Bélgica.

Mesmo a perfeição
- grau mais elevado –
não passa da nota dez.